SISTEMA ICOM – VERSÃO 503

Confira agora as alterações da versão 503 do Sistema iCom

O QUE MUDOU?


 

INFORMAÇÃO DO CRÉDITO NO PEDIDO DE VENDA

Nas versões superiores à 466 foi inserida nova funcionalidade que permite usar o crédito do cliente como forma de pagamento no faturamento do pedido de venda, ordem de serviço ou contrato. O crédito do cliente é gerado através da devolução de produtos, na qual o valor do produto devolvido fica como crédito na conta dele; ou através de lançamento avulso de crédito.

Saiba mais:

Antigamente o valor do crédito era exibido de forma integral, ou seja, era exibido o valor total bruto do crédito do cliente, sem considerar os débitos em abertos. À partir da versão 503, foi alterada a forma como este crédito é exibido na tela de faturamento.
Primeiramente é realizado cálculo do saldo da conta financeira do cliente, ou seja, é feita soma de todos os créditos e todos os débitos do cliente afim de encontrar um saldo final. Caso este saldo seja crédito, então será exibido que existe crédito disponível, e o valor do crédito proveniente do saldo total da conta do cliente. Caso o cliente tenha créditos, mas o saldo total seja zero ou débito, nada será exibido.

No exemplo á seguir, a conta do cliente em questão, tem um saldo total de débito, no valor de R$ 57,04.

Desta maneira, o crédito do cliente não é exibido na fatura, mesmo o cliente tendo R$ 242,96 em crédito, como pode ser visualizado na imagem acima. Na tela de faturamento, é exibido o saldo final da conta do cliente, conforme mostra a imagem abaixo:

Agora veremos como é exibida dela te fatura da venda, quando o saldo total do financeiro do cliente é um valor de crédito. No exemplo em questão, fizemos o recebimento do débito que existia, deixando apenas o crédito do cliente no saldo final.

Desta maneira, ao faturar o pedido de venda, o valor do crédito do cliente é exibido, permitindo usá-lo como forma de recebimento do pedido de venda. 

OBSERVAÇÃO IMPORTANTE: 

Mesmo que o saldo final da conta financeira do cliente seja um valor de débito, o sistema iCom ainda permite usar o crédito como parte do recebimento da fatura, desde que lançado através do botão “Crédito“, para abrir a tela de consulta de carta de crédito. Na qual usuário pode fazer a consulta da carta de crédito pelo número do código.

Valor parcial de crédito lançado na fatura manualmente através do código da carta de crédito.
Crédito usado como forma de recebimento parcial da fatura do pedido de venda.

REMOÇÃO DA ABA “IMAGEM” NO CADASTRO DE PRODUTOS

À partir da versão 503 foi removida a aba de imagens, no cadastro de produtos. Atualmente a aba não tinha qualquer uso prático no sistema iCom. A aba existia pois antigamente o sistema tinha integração com plataformas de e-commerce, então a imagem inserida era automaticamente enviada para o e-commerce. Mas a funcionalidade já não existe mais. 

Tela de cadastro de Produtos – Versões anteriores à 503
Tela de cadastro de Produtos – Versão 503

CONSULTA DE TEXTO PARCIAL DA DESCRIÇÃO DO PRODUTO

MELHORIA: Nas versões 501 e 502, a pesquisa de produtos foi alterada, para limitar a quantidade de registros, para 100 (podendo ser alterado). Também foi alterado o método de pesquisa, onde antigamente o texto inserido na consulta era pesquisado em todos os campos disponíveis na consulta de produtos, inclusive se o texto fosse parcial. O texto passou a ser pesquisado somente nos campos de código e descrição do produto. Desta forma, o resultado da pesquisa torna-se mais rápido, principalmente para empresas com muitos produtos cadastrados.

Esta alteração também mudou o formato de pesquisa, na qual o texto inserido no campo de pesquisa passou a buscar somente no início da descrição do produto ao invés de buscar no texto todo, mesmo que parcialmente o texto da descrição.

No exemplo abaixo, o texto inserido no campo de pesquisa trás somente os produtos que iniciam com o texto inserido no campo de busca.

Busca de Produtos pela inicial da descrição do Produto

Ao fazer a consulta por um texto não existe no inicio da descrição, o sistema iCom não trás resultados na consulta. (à menos que seja usado caractere %. Exemplo: “%Exemplo%)

A solução criada na versão 503 permite ajustar o tipo de pesquisa a ser realizada. O modo de pesquisa pode ser: 

  • INICIAL – Pesquisa somente no início da descrição do produto
  • PARCIAL – Pesquisa por trechos parciais em toda descrição do produto

Para ajustar a configuração, basta clicar no ícone de alteração de método de pesquisa, e selecionar “Trocar modo de consulta para PARCIAL / INICIAL“.

Esta configuração também pode ser ajustada clicando no botão “Outras Opções > Configuração > Trocar modo de consulta para PARCIAL / INICIAL“.

No modo de pesquisa Parcial, o sistema iCom busca no descrição completa pelo texto inserido no campo de busca, mesmo que o texto da consulta seja apenas parcial ou esteja no final da descrição. Veja:


CRIAÇÃO DE CADASTRO MANUAL DE NCM

MELHORIA: A constante alteração de NCMs por parte da SEFAZ está causando diversos problemas às empresas. A atualização da tabela IBPT acontece mensalmente, mas não garante que os novos códigos NCM estarão inclusos. A versão 503 do sistema iCom trás a possibilidade de cadastro manual de NCM. Esta função está disponível na aba Cadastro > Botão NCM.

Será aberta janela de NCMs. Consulte pelo NCM para verificar se ele já está disponível no sistema, de acordo com a sua tabela IBPT. Caso não encontre, clique no botão “Novo NCM“.

Preencha as informações do novo NCM de acordo com os campos listados abaixo: 

  • Código – Preencha com o código NCM que deseja cadastrar
  • EX – Código da Exceção, caso exista
  • Tipo – Se é um NCM de Produto ou Serviço
  • UF – A Sigla do Estado será preenchida automaticamente
  • Descrição – Descrição do NCM 
  • Alíquotas
    • Federal
    • Importação
    • Estadual
    • Municipal

OBSERVAÇÃO IMPORTANTE:

Sempre consulte as informações de alíquotas com seu contador.

  • Clique no botão “Salvar” para gravar o novo cadastro de NCM.

Os códigos NCM cadastrados de forma manual estarão destacados em Azul, além disso, a coluna “Fonte” ficará com a informação “Emissor” gravada, indicando que a fonte da informação do NCM vem da própria empresa emissora do Cupom Fiscal.


INFORMAÇÃO DO RELATÓRIO DE SALDO DE CONTAS E CAIXA

CORREÇÃO: Na aba Financeiro > Relatório de Saldo de Contas e Caixa, a informação referente ao totalizador do caixa estava errada. O erro era devido à mudança das novas formas de recebimento, que não estavam sendo contempladas neste total. 


ALTERAÇÃO DO PREÇO DO PRODUTO NA DEVOLUÇÃO

MELHORIA: Nas versões iguais ou anteriores à 466 era possível fazer a alteração do preço do produto na devolução. O preço poderia ser alterado livremente ou com base nos preços 1, 2, 3 e preço de custo. Após as versões 466 foram retiradas as opções de seleção dos preços 1, 2, 3 e de custo, permitindo apenas alterar livremente o preço do produto na devolução. Esta funcionalidade foi novamente adicionada ao sistema na versão 503. 

Configurações de alteração de preço na devolução: 

  1. Configuração geral do sistema
  2. Aba vertical “Pedido de Venda
  3. Aba horizontal “Devolução”
  4. Item “Permite alteração o preço unitário da devolução
    • Não, não permite alterar
    • Sim, permite com permissão liberada ao usuário
    • Sim, permite a qualquer usuário com acesso à devolução (não recomendado)
  5. Item “Permite devolver com preço de custo
    • Sim, se liberada alteração de preço
    • Não, não exibir preço de custo

Na devolução, após selecionar o produto a ser devolvido, o preço de venda do produto será exibido como preço padrão da devolução. Mas, ao clicar no cadeado vermelho é possível liberar a alteração de preço.

Após liberada alteração de preço, ao clicar com botão direito do mouse sobre o preço no campo “Valor Unitário” é possível escolher alterar de acordo com: 

  • Preço à vista com desconto
  • Preço à vista
  • Preço à prazo – Padrão do cadastro do produto
  • Preço de custo

Além disso, após ser desbloqueado, o campo de preço fica livre para que seja digitado qualquer valor. 


INSERIDO BOTÃO “EXPORTAR PARA EXCEL” E “IMPRIMIR TELA” NA CONSULTA DE ORÇAMENTOS

Na aba Vendas > Consulta de Orçamentos, foram adicionados ao botão “Imprimir” as opções de “Imprimir Tela” e “Exportar para Excel“. 


IMPORTAÇÃO DE XML DE CF-E

Foi adicionada função no iCom para importação de arquivos XML de CF-e. A importação pode ser de XML único ou XML de Lotes de CF-e. 
A função está localizada na aba CF-e > Importar XML CF-e. Na tela de importação, basta selecionar o SAT e o tipo de arquivo (XML ou Lote de XML), clicar no botão “Selecionar Arquivos” para buscar os arquivos XML, e depois clicar no botão importar. 

OBSERVAÇÃO IMPORTANTE:

Os arquivos XML do SAT podem ser consultados no Sistema de Gestão e Retaguarda do SAT-CF-e no link: Sistema de Gestão e Retaguarda do SAT-CF-e


CORREÇÃO DE ERRO NA IMPORTAÇÃO DE OFX

Os arquivos OFX gerados pelos bancos tem formas diferentes de identificação das faturas. Alguns bancos identificam as faturas no OFX pelo campo/tag <CHECKNUM>. Porém este campo não é mais usado como identificador dentro do OFX. O sistema iCom tinha um erro quando existiam dois registros com mesmo valor e mesmo CHECKNUM dentro do mesmo arquivo. Quando isso acontecia, o sistema iCom importava apenas um dos registros.

A correção realizada foi atualizar o campo identificador do registro. No arquivo OFX existe a tag <FITID> que também é um número identificador único. 


ADICIONADO CAMPO DE BUSCA NA CONSULTA DE ARQUIVOS OFX

No processo de upload do arquivo OFX, existe um botão para consultar todos os arquivos já importados para o sistema iCom. Esta consulta agora tem um campo de busca, para facilitar a localização dos arquivos. 


Ainda tem dúvidas? Entre em contato pelo nosso canal de Whatsapp

Print Friendly, PDF & Email